Semana da Mulher: Câmara vai trazer Exposição História do Trabalho da Mulher

06/03/2019 - A exposição itinerante História do Trabalho da Mulher estará  aberta para visitação de 11 a 15 de março, no saguão da Câmara de Vereadores de Esteio. A mostra, organizada pela Seção de Memorial da Câmara de Porto Alegre, faz parte das comemorações do Dia Internacional da Mulher, que contará com o ato solene, a ser realizado no dia 12, às 19h30min, na sala de Sessões Luiz Alécio Frainer. A exposição narra, em 20 banners, a construção feminina no universo laboral. 

Conforme o memorial, as telas são dividida em quatro linhas de evolução e iniciam com a descrição das mulheres trabalhadoras no espaço privado, a casa; até os locais públicos, a rua. "Com isso, são contadas as carreiras de camponesas, quitandeiras, lavadeiras, costureiras, eletricitárias, operárias, tecelãs, enfermeiras, professoras, telefonistas, secretárias e, inclusive, as de escritoras, artistas e guerreiras políticas", conta o integrante do Memorial, Bruno Martins.

Evolução

A metodologia utilizada para a realização da exposição levou em conta quatro linhas de evolução do horizonte feminino, desde o século XIX, até os dias atuais. Um dos aspectos da mostra foi revelar as condições de trabalho enfrentadas às vésperas da Revolução Industrial, tais como condições socioeconômicas e culturais.

A primeira parte, Da casa à rua, revela como atividades já desenvolvidas pela mulher, no lar, se transformaram em fonte de renda para a sobrevivência. A segunda, intitulada Colarinho branco, aponta as atividades desenvolvidas por elas no setor de serviços. Já a terceira, chamada de Mundos do trabalho, apresenta as características do trabalho feminino no sistema fabril. E a última parte, nomeada A conquista do mundo, revela a ascensão delas em atividades do sistema de artes e da cultura, antes possível aos homens.

A visitação, com entrada gratuita, será de segunda a sexta-feira, das 9h  às 18h30min. A Câmara fica na 24 de Agosto, 535, esteio- Centro. Não é necessário agendar as visitas. 

Por Terezinha Bobsin - Reg prof MTb/RS 7156

registrado em: